Home > CARTÃO DE CRÉDITO > Cartão Credicard Zero – Descubra como solicitar

Cartão Credicard Zero – Descubra como solicitar

VANTAGENS DO CARTÃO CREDICARD

Os benefícios começam sem nenhuma taxa anual. Além disso, os clientes poderão solicitar quatro cartões adicionais sem ter que pagar nada por isso.

Porém, o maior benefício associado à obtenção deste produto são os descontos oferecidos em serviços e lojas conhecidas do mercado.

Com o cartão, o usuário pode obter descontos de até 40% em serviços como Netflix, Uber, Decolar, Netshoes, FastShop, Ponto Frio, Extra, Revista Luiza e Zattini.

Os usuários terão promoções exclusivas e podem obter até 40% de desconto. Além disso, para os clientes do Uber, há uma vantagem adicional: a cada 10 viagens, o usuário pode ganhar uma gratuitamente.

Segundo o site da empresa, a Credicard entrou no mercado brasileiro na década de 1970, mudando completamente a forma e o preço do parcelamento. No início, a empresa cooperou com grandes bancos como Itaú e Unibanco.

A Credicard tem uma história de mais de 40 anos e pode garantir que os clientes estejam nas mãos de empresas que sabem o que estão fazendo.

A Credicard foi recentemente adquirida pelo ex-sócio e agora novo proprietário Itaú. Recursos

Endereço da Sede: Redecard SA CNPJ, número: 01. 425.787 / 0033-83, Sede em Barueri, Estado de São Paulo, Avenida Marcos Ponteado de Urjoa Rodríguez, n ° 939-Shop Floor No. 1 e 12 ° e 14 ° -CEP 06460-040.

Historia Credicard

A Credicard SA (originalmente conhecida como Citicard) é uma empresa de soluções de pagamento do Banco Itaú Unibanco, que administra cartões de crédito e foi fundada em 1978 pelo First National Bank (subsidiária brasileira do Citibank).

O portfólio possui dois tipos de cartão: os cartões de anuidade, que podem usufruir de descontos gratuitos na cooperação com outras bandeiras, e os cartões de anuidade, nos quais o cliente pode utilizar programas de pontos e serviços diferenciados.

A Credicard é a emissora de cartões mais antiga dos Estados Unidos, com uma participação de mercado de 10% em 2013 e 4,8 milhões de usuários. Atualmente, atua principalmente em cooperação com outras instituições financeiras e empresas, permitindo-lhes fornecer crédito (e benefícios relacionados) com o cartão aos clientes.

A Credicard foi fundada na década de 1970 pelo The First National Bank, uma agência do Citibank Brasil, com o nome de Citicard

A empresa está registrada como empresa de turismo, promoção e administração na Junta Comercial do Rio de Janeiro, isso porque apareceu o primeiro cartão relacionado a áreas turísticas.

Quando o cartão Credicard substituiu o Citicard, a chegada de dois novos sócios Banco Itaú e Unibanco ganhou destaque comercial.

Após a instalação, a sede da empresa mudou oficialmente para São Paulo. Em 1978, a empresa mudou seu nome para Credicard S. A. Administrador de cartão de crédito.

Em 1983, a Credicard ingressou na Visa International e adquiriu o Diners Club em 1984. Nesse período, a Credicard estabeleceu um sistema de modelo de participação nos lucros – em conjunto com o banco para dividir todo o resultado da operação do cartão.

Em 1987, a Credicard mudou a bandeira de seu cartão e passou a se associar exclusivamente à Mastercard International. Em dezembro do mesmo ano, 95% dos 800 mil cartões Credicard receberam a nova bandeira nacional.

Desde 1995, passou a cooperar com empresas para fazer cada vez mais investimentos por meio de cartões co-branded (incluindo Grupo Pão de Açúcar, Fiat, lojas C&A, etc.). No ano, comemorou 6 milhões de cartões e seu call center registrou 5 milhões de ligações por mês.

Ainda na década de 1990, foi criada a Redecard em cooperação com Citibank, Unibanco, Banco Itaú e Mastercard .As agências da empresa forneciam ferramentas para transações de débito em instituições comerciais e o popular cartão Redeshop era voltado para o público. A renda mensal ultrapassa R $ 300.

A partir de 2006, a carteira de cartões “Credicard Citi” e “Citibank” era administrada pela nova agência do Citigroup, Credicard Citi, que foi criada após o grupo adquirir metade dos ativos da Credicard.

Leave a Reply